Curso Comunicação assertiva [1/2019]

  • Área
    Desenvolvimento pessoal
  • Data
    11 e 12 de abril de 2019
  • Local
    Porto | Espaço Atmosfera M

Curso Comunicação assertiva [1/2019]

A comunicação assertiva é baseada em ter uma atitude pessoal positiva, na hora de se relacionar com os demais. Consiste sobretudo, em expressar opiniões e sentimentos, evitando fazer avaliações reprováveis. Assim, a comunicação assertiva é o meio adequado para interagir com as pessoas, uma das chaves para estabelecer boas relações interpessoais e profissionais
Deve-se entender a comunicação assertiva, como uma ferramenta que permite otimizar as relações humanas. Nesta linha de pensamento, os especialistas em comunicação consideram que a assertividade depende em boa parte da inteligência emocional de cada pessoa.
A utilidade da comunicação assertiva assenta quando comunicamos e temos em mente algum objetivo específico, como por exemplo, convencer o nosso interlocutor a mudar o seu comportamento ou sugerir alterações nos seus hábitos.

[INSCRIÇÕES ATÉ: 27/03/2019]

Detalhes do Curso

  • Datas: 11 e 12 de abril de 2019
  • Local: Porto | Espaço Atmosfera M (Rua Júlio Dinis, 160 - 6º Piso; 4050-318 Porto)
  • Sala: Sala 3
  • Carga Horária: Curso de Curta Duração (CCD) | 16h
  • Área: 090 - Desenvolvimento pessoal
  • Vagas: N.º mínimo: 8 | N.º máximo: 25
  • Horário: Dia 11 e 12| 9h30-13h30; 14h30-18h30
  • Formadores: Ana Freire
  • Organização: Presencial
  • Modalidade: Outras ações de formação contínua (não inseridas no CNQ)
  • Edição: N.º1

Destinatários

Profissionais na área da saúde com formação de nível superior; estudantes de licenciaturas na área da saúde.

Inscrição

A inscrição inclui:
- 16 horas de formação; material didático; certificado; bloco e caneta
 
Documentos a disponibilizar no ato da inscrição online:
- Certificado de habilitações / cédula profissional (nutricionistas ou profissionais com licenciatura conducente à profissão de nutricionista) ou comprovativo de matrícula (estudantes de licenciaturas conducente à profissão de nutricionista).
 
Pagamento
Associado APN: 190,00€
Não associado APN: 225,00€
 
- A inscrição só é tornada válida após o pagamento do valor da inscrição definido.
- A fatura será enviada por correio, para a morada indicada na ficha de inscrição.
- Em caso de desistência, a devolução do valor da inscrição só é efetuada de acordo com a política de anulação.
- A realização da ação de formação fica dependente de um N.º mínimo de 8 inscrições.
- A APN reserva-se o direito de adiamento ou cancelamento da ação de formação, mediante informação prévia aos formandos.

Metodologia

Os temas serão introduzidos através de uma breve explanação teórica por parte do formador, assente prioritariamente nos métodos expositivo e demonstrativo. Complementarmente, os assuntos serão trabalhados pelos formandos, através da realização de casos práticos, sob a orientação e supervisão do formador, e que permitem uma experimentação prática simulada dos assuntos abordados sob o ponto de vista concetual. O desenvolvimento de atividades de natureza mais prática contribuirá para uma sistematização das aprendizagens desenvolvidas pelos formandos durante as sessões de formação.

Avaliação

No âmbito da avaliação, serão consideradas as seguintes dimensões de análise:
Avaliação de diagnóstico - sem ponderação para a classificação final do formando

A frequência com aproveitamento exige uma frequência efetiva da formação igual ou superior a 90% da carga horária total do curso.

Complementarmente é assegurado um modelo de avaliação do grau de satisfação das partes envolvidas no processo formativo, designadamente:
- Avaliação de satisfação dos formandos
- Avaliação da ação de formação pelo formador
- Avaliação do desempenho do formador pela coordenação pedagógica
- Avaliação da eficácia da formação – acompanhamento pós-formação

Recursos Físicos, Audiovisuais e Pedagógicos

A sala de formação está equipada com mesas e cadeiras adequadas à intervenção formativa e com os seguintes recursos audiovisuais:
- Computador portátil
- Projetor de vídeo
- Tela de projeção
- Flipchart
- Materiais diversos de suporte aos casos práticos.

Os espaços utilizados apresentam condições de dimensão, luminosidade, temperatura e ventilação, bem como, condições de higiene e segurança adequados.

Assiduidade

Frequência efetiva igual ou superior a 90% da carga horária do curso. O controlo da assiduidade dos formandos é efetuado através do preenchimento de um registo de presenças a distribuir pelo formador em cada sessão. Para efeitos de contabilização de presença, permitir-se-á uma tolerância de 15 minutos antes do início da cada sessão.

Equipa Pedagógica

O formador a afetar ao desenvolvimento do curso terá o seguinte perfil de competências:
- Habilitações académicas: habilitações de nível superior, com formação de base ou complementar (nomeadamente decorrente de formação profissional) enquadrada na AEF a intervir;
- Formação pedagógica: portador de Certificado de Competências Pedagógicas (CCP) ou Docente do ensino superior;
- Experiência pedagógica: experiência pedagógica anterior mínima de 3 anos;
- Experiência profissional: experiência profissional relevante na área (critério preferencial);
- Aptidões psicossociais: aptidões que contribuam para a construção de um bom ambiente de formação, como sejam o espírito de cooperação, a facilidade de comunicação e relacionamento, a flexibilidade, a tolerância e a capacidade de auto e hétero-crítica.

Metodologias de Acompanhamento

O sistema de acompanhamento a prosseguir durante a ação de formação tem como objetivos verificar:
- A conformidade na execução e o cumprimento progressivo dos objetivos pedagógicos;
- As alterações provocadas no nível de conhecimento e aprendizagem dos formandos;
- O cumprimento da planificação e estrutura programática do curso;
- A adequação das metodologias pedagógicas às necessidades e expetativas dos formandos;
- A adequação dos equipamentos e recursos pedagógicos às condições de execução da formação;
- O cumprimento do cronograma estabelecido e a assiduidade dos formandos;
- A adesão, reações e nível de satisfação das expetativas iniciais dos formandos em relação à atividade formativa.

Objetivos do Curso

Objetivos gerais
Dotar os participantes das principais técnicas para uma comunicação assertiva com todos os interlocutores.

Objetivos específicos
No final do curso, o formando será capaz de:
- Comunicar assertivamente com todos os interlocutores em qualquer situação de trabalho;
- Reconhecer a importância da prática da assertividade para melhorar a eficácia da comunicação;
- Utilizar alguns instrumentos para elevar a assertividade na comunicação.

Programa

Dia

Sessão

Horas

Módulo | Temas

Formador

11

1

4h

  A Importância da Comunicação nas relações interpessoais

  Ana Sofia Freire

11

2

4h

  A Importância da Comunicação nas relações interpessoais

  Ana Sofia Freire

12

3

4h

  Comunicação e Assertividade

  Ana Sofia Freire

12

4

4h

  Comunicação e Assertividade

  Ana Sofia Freire


Sessão 1 | A Importância da Comunicação nas relações interpessoais (9h30-13h30)

  1. Identificar a importância do estudo da comunicação
  2. Reconhecer a inevitabilidade e a universalidade da comunicação
  3. Caraterizar a comunicação como um processo contínuo
  4. Identificar os elementos da comunicação
  5. Definir linguagem verbal e linguagem não-verbal
  6. Avaliar a importância da comunicação não-verbal

 

Sessão 2 | A Importância da Comunicação nas relações interpessoais (14h30-18h30)

  1. Explicar a importância do: silencio no processo de comunicação, os gestos na interação, as expressões faciais na interação pessoal, os movimentos corporais na comunicação interpessoal, a roupa e os adornos no processo de comunicação e interação, o “toque” nas relações interpessoais, o tempo nas relações interpessoais, o espaço e a distancia na comunicação interpessoal,
  2. Avaliar a importância da paralinguistica na comunicação interpessoal
  3. Enumerar os princípios da comunicação face-a-face
  4. Definir e identificar as barreiras à comunicação
  5. Identificar e caraterizar os fatores que intervêm na fidelidade da comunicação
  6. Descrever as funções da comunicação

 

Sessão 3 | Comunicação e Assertividade (9h30-13h30)

  1. Definição de Assertividade
  2. Estilos de comunicação assertivo/não assertivo
  3. Princípios da comunicação assertiva
  4. Analisar a importância do comportamento na relação interpessoal
  5. Interpretar os princípios gerais do comportamento

 

Sessão 4 | Comunicação e Assertividade (14h30-18h30)

  1. Melhorar o processo de comunicação interpessoal
  2. Identificar as caraterísticas e consequências da comunicação positiva
  3. Os diferentes estilos na relação interpessoal
  4. Identificar e caraterizar cada um deles
  5. Avaliar a importância do ato de confiar na relação interpessoal

Formadores